Gestão e gerenciamento de resíduos sólidos urbanos: estudo de caso no município de Barbalha/ce.

Thesis Subjects > Teaching Europe University of Atlantic > Teaching > Final Master Projects Cerrado Portugués Atualmente um dos principais problemas ambientais dos municípios é a Gestão e o Gerenciamento dos seus Resíduos Sólidos Urbanos, não raramente observamos, principalmente nos pequenos municípios, a disposição inadequada de seus resíduos sólidos, muitas das vezes dispostos nas esquinas e praças das cidades. Barbalha no interior do estado do Ceará não é diferente, município com uma população em torno de 55.323 habitantes, apresenta ainda alguns problemas com a disposição incorreta de seus resíduos. Este trabalho teve a finalidade de fornecer, aos leitores, a população e ao poder público em geral às informações adequadas sobre o problema, na tentativa de diminuir os impactos ambientais, sociais e culturais ocasionados pela má gestão de seus resíduos sólidos, fornecendo um diagnóstico do atual Sistema de Gestão de Resíduos Sólidos (SGRS) urbanos do município de Barbalha/CE. O trabalho buscou através de consultas e análises de obras e trabalhos semelhantes, outrora produzidos, uma análise sistemática e direcionada ao enfoque ambiental do problema, abordando os principais temas relacionados, como classificação dos resíduos, temas específicos como coleta seletiva e logística reversa, além de consultas às variadas legislações atuais alusivas ao tema. O trabalho teve como metodologia um estudo de caso sobre a má gestão dos resíduos sólidos do município de Barbalha/CE, utilizando-se técnicas quantitativas, que permitiram a quantificação dos dados e elaboração de tabelas e gráficos através de pesquisas e entrevistas in loco, como também um delineamento explicativo, através da análise de um fenômeno observado. No processo de colheita de dados foram utilizadas técnicas quantificáveis, na tentativa de confirmar ou contestar as hipóteses iniciais, através de dados estatísticos confiáveis, numéricos e concretos. Diversa da pesquisa qualitativa, esta pesquisa apresenta dados mensuráveis e não subjetivos do problema, como a quantidade de resíduos gerados por residência urbana e frequência de coleta pelo poder público municipal, dentre outros dados estatísticos. A pesquisa foi realizada por meio de questionário, com perguntas de múltipla escolha e dicotômicas, sempre evidenciadas com base nas variáveis da pesquisa. Utilizamos o Google Forms, que é um aplicativo de gerenciamento de pesquisas do Google, o qual usa questionários e/ou formulários como ferrementa de pesquisa. Foi disponibilizado um link nas principais redes sociais da atualidade, como Facebook, Instagram, WhatsApp, Telegram, para população responder o questionário com perguntas sobre a gestão dos resíduos sólidos no âmbito urbano na cidade de Barbalha/CE. A pesquisa foi realizada no periodo de 07 (sete) dias, de segunda a domingo, tendo 100 (cem) participantes, levando em conta que trata-se de uma pesquisa quantitativa, não probalística e por conveniência, pois não foi definido grupos específicos, denominamos satisfatórios os dados coletados. A pesquisa foi realisada nos diversos bairros urbanos do município, utilando um questiinário, como instrumento de medição técnica, com perguntas com algumas alternativas, múltipla escolha e dicotômicas. Outra técnica que utilizamos foi de entrevista com o Secretário e Vice de Meio Ambiente da cidade de Barbalha/CE, em que pudemos extrair diversos dados e informações relativas à atual gestão dos resíduos sólidos no município, além de possíveis projetos que seriam desenvolvidos pelo município nessa área. Entrevistamos também o presidente da Associação de Catadores de Lixo do município – ACARB – na qual obtivemos grande contribuição na construção da pesquisa, com dados situacionais dos residuos sólidos do municípios, bem como as demandas da referida entidade para desempenho regular de suas atividades rotineiras. Toda a pesquisa levou em consideração a população dos bairros urbanos do município, tendo representação em, praticamente, todos eles na pesquisa. Com tudo isso foi possivel observar fenômenos intrínsecos relacionados à gestão atual dos resíduos sólidos, bem como a elaboração de gráficos que materializam os dados coletados na pesquisa de forma estatística, proporcionando uma melhor visão do problema e da busca de uma possível solução. Com todos os dados coletados é possível estabelecer uma resposta a atual situação do Sistema de Gestão de Resíduos Sólidos (SGRS) urbanos do município de Barbalha/CE, fazendo uma relação com o mínimo satisfatório estabelecido na legislação vigente. É possível observar o quão carente encontra-se o município em relação à implementação adequada da disposição dos resíduos sólidos urbanos, percebe-se uma grande falta de concientização da população bem como ações positivas do poder público local no tocante à minimização do problema. metadata de Araújo Lopes, Antônio Darlan mail darlan.1000@hotmail.com (2022) Gestão e gerenciamento de resíduos sólidos urbanos: estudo de caso no município de Barbalha/ce. Masters thesis, UNSPECIFIED.

Full text not available from this repository.

Abstract

Atualmente um dos principais problemas ambientais dos municípios é a Gestão e o Gerenciamento dos seus Resíduos Sólidos Urbanos, não raramente observamos, principalmente nos pequenos municípios, a disposição inadequada de seus resíduos sólidos, muitas das vezes dispostos nas esquinas e praças das cidades. Barbalha no interior do estado do Ceará não é diferente, município com uma população em torno de 55.323 habitantes, apresenta ainda alguns problemas com a disposição incorreta de seus resíduos. Este trabalho teve a finalidade de fornecer, aos leitores, a população e ao poder público em geral às informações adequadas sobre o problema, na tentativa de diminuir os impactos ambientais, sociais e culturais ocasionados pela má gestão de seus resíduos sólidos, fornecendo um diagnóstico do atual Sistema de Gestão de Resíduos Sólidos (SGRS) urbanos do município de Barbalha/CE. O trabalho buscou através de consultas e análises de obras e trabalhos semelhantes, outrora produzidos, uma análise sistemática e direcionada ao enfoque ambiental do problema, abordando os principais temas relacionados, como classificação dos resíduos, temas específicos como coleta seletiva e logística reversa, além de consultas às variadas legislações atuais alusivas ao tema. O trabalho teve como metodologia um estudo de caso sobre a má gestão dos resíduos sólidos do município de Barbalha/CE, utilizando-se técnicas quantitativas, que permitiram a quantificação dos dados e elaboração de tabelas e gráficos através de pesquisas e entrevistas in loco, como também um delineamento explicativo, através da análise de um fenômeno observado. No processo de colheita de dados foram utilizadas técnicas quantificáveis, na tentativa de confirmar ou contestar as hipóteses iniciais, através de dados estatísticos confiáveis, numéricos e concretos. Diversa da pesquisa qualitativa, esta pesquisa apresenta dados mensuráveis e não subjetivos do problema, como a quantidade de resíduos gerados por residência urbana e frequência de coleta pelo poder público municipal, dentre outros dados estatísticos. A pesquisa foi realizada por meio de questionário, com perguntas de múltipla escolha e dicotômicas, sempre evidenciadas com base nas variáveis da pesquisa. Utilizamos o Google Forms, que é um aplicativo de gerenciamento de pesquisas do Google, o qual usa questionários e/ou formulários como ferrementa de pesquisa. Foi disponibilizado um link nas principais redes sociais da atualidade, como Facebook, Instagram, WhatsApp, Telegram, para população responder o questionário com perguntas sobre a gestão dos resíduos sólidos no âmbito urbano na cidade de Barbalha/CE. A pesquisa foi realizada no periodo de 07 (sete) dias, de segunda a domingo, tendo 100 (cem) participantes, levando em conta que trata-se de uma pesquisa quantitativa, não probalística e por conveniência, pois não foi definido grupos específicos, denominamos satisfatórios os dados coletados. A pesquisa foi realisada nos diversos bairros urbanos do município, utilando um questiinário, como instrumento de medição técnica, com perguntas com algumas alternativas, múltipla escolha e dicotômicas. Outra técnica que utilizamos foi de entrevista com o Secretário e Vice de Meio Ambiente da cidade de Barbalha/CE, em que pudemos extrair diversos dados e informações relativas à atual gestão dos resíduos sólidos no município, além de possíveis projetos que seriam desenvolvidos pelo município nessa área. Entrevistamos também o presidente da Associação de Catadores de Lixo do município – ACARB – na qual obtivemos grande contribuição na construção da pesquisa, com dados situacionais dos residuos sólidos do municípios, bem como as demandas da referida entidade para desempenho regular de suas atividades rotineiras. Toda a pesquisa levou em consideração a população dos bairros urbanos do município, tendo representação em, praticamente, todos eles na pesquisa. Com tudo isso foi possivel observar fenômenos intrínsecos relacionados à gestão atual dos resíduos sólidos, bem como a elaboração de gráficos que materializam os dados coletados na pesquisa de forma estatística, proporcionando uma melhor visão do problema e da busca de uma possível solução. Com todos os dados coletados é possível estabelecer uma resposta a atual situação do Sistema de Gestão de Resíduos Sólidos (SGRS) urbanos do município de Barbalha/CE, fazendo uma relação com o mínimo satisfatório estabelecido na legislação vigente. É possível observar o quão carente encontra-se o município em relação à implementação adequada da disposição dos resíduos sólidos urbanos, percebe-se uma grande falta de concientização da população bem como ações positivas do poder público local no tocante à minimização do problema.

Item Type: Thesis (Masters)
Uncontrolled Keywords: Gestão e Gerenciamento dos Resíduos Sólidos, Aterro Sanitário, Lixão a céu aberto, Coleta Seletiva, Barbalha
Subjects: Subjects > Teaching
Divisions: Europe University of Atlantic > Teaching > Final Master Projects
Date Deposited: 16 Nov 2023 23:30
Last Modified: 16 Nov 2023 23:30
URI: https://repositorio.uneatlantico.es/id/eprint/1827

Actions (login required)

View Item View Item

<a href="/10290/1/Influence%20of%20E-learning%20training%20on%20the%20acquisition%20of%20competences%20in%20basketball%20coaches%20in%20Cantabria.pdf" class="ep_document_link"><img class="ep_doc_icon" alt="[img]" src="/10290/1.hassmallThumbnailVersion/Influence%20of%20E-learning%20training%20on%20the%20acquisition%20of%20competences%20in%20basketball%20coaches%20in%20Cantabria.pdf" border="0"/></a>

en

open

Influence of E-learning training on the acquisition of competences in basketball coaches in Cantabria

The main aim of this study was to analyse the influence of e-learning training on the acquisition of competences in basketball coaches in Cantabria. The current landscape of basketball coach training shows an increasing demand for innovative training models and emerging pedagogies, including e-learning-based methodologies. The study sample consisted of fifty students from these courses, all above 16 years of age (36 males, 14 females). Among them, 16% resided outside the autonomous community of Cantabria, 10% resided more than 50 km from the city of Santander, 36% between 10 and 50 km, 14% less than 10 km, and 24% resided within Santander city. Data were collected through a Google Forms survey distributed by the Cantabrian Basketball Federation to training course students. Participation was voluntary and anonymous. The survey, consisting of 56 questions, was validated by two sports and health doctors and two senior basketball coaches. The collected data were processed and analysed using Microsoft® Excel version 16.74, and the results were expressed in percentages. The analysis revealed that 24.60% of the students trained through the e-learning methodology considered themselves fully qualified as basketball coaches, contrasting with 10.98% of those trained via traditional face-to-face methodology. The results of the study provide insights into important characteristics that can be adjusted and improved within the investigated educational process. Moreover, the study concludes that e-learning training effectively qualifies basketball coaches in Cantabria.

Producción Científica

Josep Alemany Iturriaga mail josep.alemany@uneatlantico.es, Álvaro Velarde-Sotres mail alvaro.velarde@uneatlantico.es, Javier Jorge mail , Kamil Giglio mail ,

Alemany Iturriaga

en

close

Do ICT firms manage R&D differently? Firm-level and macroeconomic effects on corporate R&D investment: Empirical evidence from a multi-countries context

Technological firms invest in R&D looking for innovative solutions but assuming high costs and great (technological) uncertainty regarding final results and returns. Additionally, they face other problems related to R&D management. This empirical study tries to determine which of the factors favour or constrain the decision of these firms to engage in R&D. The analysis uses financial data of 14,619 ICT listed companies of 22 countries from 2003 to 2018. Additionally, macroeconomic data specific for the countries and the sector were used. For the analysis of dynamic panel data, a System-GMM method is used. Among the findings, we highlight that cash flow, contrary to the known theoretical models and empirical evidences, negatively impacts on R&D investment. Debt is neither the right source for R&D funding, as the effect is also negative. This suggests that ICT companies are forced to manage their R&D activities differently, relying more on other funding sources, taking advantage of growth opportunities and benefiting from a favourable macroeconomic environment in terms of growth and increased business sector spending on R&D. These results are similar in both sub-sectors and in all countries, both bank- and market based. The exception is firms with few growth opportunities and little debt.

Producción Científica

Inna Alexeeva-Alexeev mail inna.alexeeva@uneatlantico.es, Cristina Mazas Pérez-Oleag mail cristina.mazas@uneatlantico.es,

Alexeeva-Alexeev

<a class="ep_document_link" href="/11941/1/healthcare-12-00942.pdf"><img class="ep_doc_icon" alt="[img]" src="/11941/1.hassmallThumbnailVersion/healthcare-12-00942.pdf" border="0"/></a>

en

open

Risk Factors for Eating Disorders in University Students: The RUNEAT Study

The purpose of the study is to assess the risk of developing general eating disorders (ED), anorexia nervosa (AN), and bulimia nervosa (BN), as well as to examine the effects of gender, academic year, place of residence, faculty, and diet quality on that risk. Over two academic years, 129 first- and fourth-year Uneatlántico students were included in an observational descriptive study. The self-administered tests SCOFF, EAT-26, and BITE were used to determine the participants’ risk of developing ED. The degree of adherence to the Mediterranean diet (MD) was used to evaluate the quality of the diet. Data were collected at the beginning (T1) and at the end (T2) of the academic year. The main results were that at T1, 34.9% of participants were at risk of developing general ED, AN 3.9%, and BN 16.3%. At T2, these percentages were 37.2%, 14.7%, and 8.5%, respectively. At T2, the frequency of general ED in the female group was 2.5 times higher (OR: 2.55, 95% CI: 1.22–5.32, p = 0.012). The low-moderate adherence to the MD students’ group was 0.92 times less frequent than general ED at T2 (OR: 0.921, 95%CI: 0.385–2.20, p < 0.001). The most significant risk factor for developing ED is being a female in the first year of university. Moreover, it appears that the likelihood of developing ED generally increases during the academic year.

Producción Científica

Imanol Eguren García mail imanol.eguren@uneatlantico.es, Sandra Sumalla Cano mail sandra.sumalla@uneatlantico.es, Sandra Conde González mail , Anna Vila-Martí mail , Mercedes Briones Urbano mail mercedes.briones@uneatlantico.es, Raquel Martínez Díaz mail raquel.martinez@uneatlantico.es, Iñaki Elío Pascual mail inaki.elio@uneatlantico.es,

Eguren García

<a href="/11997/1/s10389-024-02238-7.pdf" class="ep_document_link"><img class="ep_doc_icon" alt="[img]" src="/11997/1.hassmallThumbnailVersion/s10389-024-02238-7.pdf" border="0"/></a>

en

open

An empirical analysis of factors determining changes in physical exercise during the COVID-19 pandemic

Aim The main objective of the study was to report the changes that have taken place in the practice of physical exercise during confinement and to examine the factors that favor or detract from it. Material and methods To determine the objective, a survey was carried out in the United States during the pandemic and a sample of 511 participants was obtained. A binary logit model was used to process the data, as well as several independence tests. Results The main result of this study is the increase in the practice of physical activity of the individuals surveyed during the pandemic. Some of the elements that most influenced this increase were annual family income, education level, and eating habits, but these results are subject to change depending on the respondent’s body mass index. On the other hand, the results also show changes in physical exercise habits during the pandemic, especially in the time of the week when it is performed, and these changes are highly correlated with the use of electronic devices, hours of sleep, and physical condition of the respondents before the pandemic. Conclusion Determining the different factors that affect the practice of physical exercise during pandemic periods seems to be important to determine in which populations it is more important to act or what resources are necessary when implementing physical exercise programs in specific situations such as pandemics.

Producción Científica

Susana Pulgar mail susana.pulgar@uneatlantico.es, Cristina Mazas Pérez-Oleaga mail cristina.mazas@uneatlantico.es, Sepideh Kaviani mail , Carolyn Butts-Wilmsmeyer mail , Maria Fernandez-del-Valle mail ,

Pulgar

<a class="ep_document_link" href="/11592/1/fchem-12-1361980.pdf"><img class="ep_doc_icon" alt="[img]" src="/11592/1.hassmallThumbnailVersion/fchem-12-1361980.pdf" border="0"/></a>

en

open

Efficacy and classification of Sesamum indicum linn seeds with Rosa damascena mill oil in uncomplicated pelvic inflammatory disease using machine learning

Background and objectives: As microbes are developing resistance to antibiotics, natural, botanical drugs or traditional herbal medicine are presently being studied with an eye of great curiosity and hope. Hence, complementary and alternative treatments for uncomplicated pelvic inflammatory disease (uPID) are explored for their efficacy. Therefore, this study determined the therapeutic efficacy and safety of Sesamum indicum Linn seeds with Rosa damascena Mill Oil in uPID with standard control. Additionally, we analyzed the data with machine learning. Materials and methods: We included 60 participants in a double-blind, double-dummy, randomized standard-controlled study. Participants in the Sesame and Rose oil group (SR group) (n = 30) received 14 days course of black sesame powder (5 gm) mixed with rose oil (10 mL) per vaginum at bedtime once daily plus placebo capsules orally. The standard group (SC), received doxycycline 100 mg twice and metronidazole 400 mg thrice orally plus placebo per vaginum for the same duration. The primary outcome was a clinical cure at post-intervention for visual analogue scale (VAS) for lower abdominal pain (LAP), and McCormack pain scale (McPS) for abdominal-pelvic tenderness. The secondary outcome included white blood cells (WBC) cells in the vaginal wet mount test, safety profile, and health-related quality of life assessed by SF-12. In addition, we used AdaBoost (AB), Naïve Bayes (NB), and Decision Tree (DT) classifiers in this study to analyze the experimental data. Results: The clinical cure for LAP and McPS in the SR vs SC group was 82.85% vs 81.48% and 83.85% vs 81.60% on Day 15 respectively. On Day 15, pus cells less than 10 in the SR vs SC group were 86.6% vs 76.6% respectively. No adverse effects were reported in both groups. The improvement in total SF-12 score on Day 30 for the SR vs SC group was 82.79% vs 80.04% respectively. In addition, our Naive Bayes classifier based on the leave-one-out model achieved the maximum accuracy (68.30%) for the classification of both groups of uPID. Conclusion: We concluded that the SR group is cost-effective, safer, and efficacious for curing uPID. Proposed alternative treatment (test drug) could be a substitute of standard drug used for Female genital tract infections.

Producción Científica

X. Sumbul mail , Arshiya Sultana mail , Md Belal Bin Heyat mail , Khaleequr Rahman mail , Faijan Akhtar mail , Saba Parveen mail , Mercedes Briones Urbano mail mercedes.briones@uneatlantico.es, Vivian Lipari mail vivian.lipari@uneatlantico.es, Isabel De la Torre Díez mail , Azmat Ali Khan mail , Abdul Malik mail ,

Sumbul